Seis mortos e uma criança ferida em acidente entre Bebedouro e Monte Azul

Publicado em 27 de setembro de 2012 às 16h48
Atualizado em 28 de setembro de 2012 às 10h38

Um acidente, ocorrido por volta das 14h, envolvendo um carro e uma ambulância, deixou seis mortos e uma criança em estado grave. A colisão ocorreu na rodovia Armando Sales Oliveira (SP-322), no trecho entre Bebedouro e Monte Azul.

foto-acidente

O tráfego da pista foi desviado para o acostamento. A colisão frontal aconteceu por volta das 14h, no km 401 da rodovia.

As seis mortes ocorreram ainda no local do acidente. Havia duas pessoas no carro e cinco na ambulância, que pertence à Prefeitura de Monte Azul Paulista. De acordo com a Secretaria de Saúde da cidade, o veículo era ocupado pelo motorista, a criança, a mãe dela, um idoso e seu acompanhante. Eles voltavam de uma consulta no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto.

As vítimas são Valdomiro Américo dos Santos, Nilza Maria Peres Glinares, Milton Anifeto de Lima e Célia Regina Terezinha Ferreira da Silva, todos ocupantes da ambulância. Além de Paulo Sérgio Giacometo e o pai dele, Walter Giacometo, que estavam no automóvel.

“Foi uma fatalidade. Minha tia sempre batalhou para dar o tratamento adequado à minha prima, que tem problema de locomoção. Elas voltavam de mais uma consulta”, disse Daniel Bassane, sobrinho de Célia. A única sobrevivente da tragédia, a filha de Célia, foi socorrida e, até o fechamento desta edição, às 20h30, estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa em Barretos.

acidente

A criança, uma menina, foi encaminhada ao hospital municipal de Bebedouro, onde passa por tomografia.

O motivo do acidente ainda é desconhecido e nenhuma das vítimas foi identificada. Mais informações a qualquer momento.

Mortes da rodovia

Em março deste ano, cerca de 60 moradores de Monte Azul Paulista fincaram 2,5 mil cruzes nas margens da rodovia em protesto às mortes causadas por acidentes no local. Os manifestantes pediram a duplicação da pista.

Outro lado

A assessoria de imprensa do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) informou que as obras de duplicação da rodovia do quilômetro 395,8 ao 398,5, prometidas na época do protesto, foram iniciadas em setembro e têm um prazo de dois anos para conclusão. Do quilômetro 398,5 ao 449, o DER disse que fará serviços de recapeamento, pavimentação dos acostamentos e implantação de faixas adicionais.

Assunto(s):

Leia também:

3 comentários

  1. Fatima Barrios disse:

    è uma vergonha, podem dificultar a CNH para os cidadãos, mas acidente também só vão ser resolvidos quando nosso governantes tomarem vergonha na cara e oferecerem aos cidadãos, melhores rodovias pra transitar. Essa pista é uma VERGONHA!

    • Leonardo Concon disse:

      Eu acho que falta vergonha e capacidade para os motoristas, TAMBÉM. Pesquise o Google e veja pistas modernas, quadruplicadas, inclusive, com acidentes diários. O imbecil é o motorista.

  2. Andressa disse:

    Q notícia triste! Transito nesse trecho entre Olímpia e Bebedouro três vezes por semana e realmente posso dizer que a rodovia é complicadíssima, principalmente no trecho entre Monte Azul e Bebedouro. Encontramos buracos horrorosos, asfalto irregular, etc! Mas a quantidade de barbaridades que já ví por parte dos motoristas é absurda! Ultrapassagem em lugar proibido, em curvas, excesso de velocidade, já ví gente até ultrapassar pela direita, pelo trevo, etc. Se a rodovia é horrorosa, temos um motivo a mais pra dirigir com prudência e respeito pela própria vida e pela vida do outro! Não sei qual foi o motivo do acidente! Só estou aproveitando o espaço pra desabafar, pq ás vezes fico muito irritada com todas as barbaridades q vejo!

Faça um comentário